Fotos Ricardo Amado

biblioteca brasiliana
guita e josé mindlin
não faço nada sem alegria

BBM | USP | São Paulo | 2013
Parceria com Álvaro Razuk Arquitetura 
Curadoria de Pedro Puntoni e Cristina Antunes

Localizada ao lado da entrada da Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin, esta exposição idealizada para ser permanente tinha o intuito de apresentar ao visitante o acervo da biblioteca, a história de sua formação e sua atuação. Em parceria com o arquiteto Álvaro Razuk e equipe, foi elaborado não apenas o projeto expositivo, mas a organização dos conteúdos em núcleos temáticos. O salão retangular alongado recebeu painéis de vidro leitoso com iluminação interna em planos paralelos à fachada envidraçada, criando superfícies expositivas nas faces internas e um grande painel gráfico com o título da exposição voltado para o exterior. Ao centro da sala, foram dispostos totens com imagens e textos sobre importantes livros do acervo, enquanto do lado oposto da fachada foi criada uma pequena galeria com vitrines para mostras rotativas com originais da coleção. Uma longa mesa com tablets permitia o acesso ao conteúdo digitalizado do acervo. Ao final do percurso, uma zona com pufes arranjados livremente convidava o visitante a manusear obras em fac-símile ou participar de rodas de leitura e discussão.